Mitologia do FaeVerso: Construtos de Alme

Construtos de Alme

Os almes são seres fabricados, normalmente na verossimilhança de outras raças, como os Aedes ou os Vens. Eles são imbuídos com a essência vibrante de almas passageiras através de um método artificial de reincarnação.

Todo o processo de criação de um alme é guardado a sete chaves, mas, do pouco que se sabe, o processo inicia-se com a criação de um receptáculo, um feitiço de orientação é lançado e, finalmente, uma alma errante, ou fragmentos de uma alma perdida, devem entrar no receptáculo de boa vontade para tomar seu controle. Uma vez em controle, um novo alme é formado.

Alguns consideram os almes como criaturas inferiores, mas alguns deles são seres anciões, alguns dos seres mais poderosos do mundo.

O último império mundano criou um tipo diferente de alme, imbuído com a essência dos elementais – cinzas, e assim não eram capazes do livre arbítrio. Após a Calamidade, todos esses almes perderam a ligação prendia seu poder, e assim foram esvaziados. Com o tempo, sem orientação, esses receptáculos expirantes coletaram fragmentos de almas, e muitos tornaram-se novos almes – perdidos e confusos, mas com o enorme poder dos receptáculos do império.

Em raras ocasiões, crianças dotadas de poder mágico tornam seus brinquedos em almes. Casos documentados evidenciam que a possessão por um espírito que conhecia a arte de criar almes é provavelmente necessária.

Para a grande maioria dos novos almes, suas almas não lembram-se de sua vida passada, por causa de sua origem – elas podem ter perambulado pelos mundos como almas perdidas por éons, com suas memórias para sempre perdidas na névoa do tempo. Entretanto, em algumas situações, quando uma alma é rasgada de seu corpo, ela pode encontrar um receptáculo vazio rapidamente, e assim possuir conhecimento completo de seu passado recente.

Devido ao fato que qualquer tipo de alma pode tomar o controle de um receptáculo em espera, muitos artesãos estão sempre de vigia, prontos para destruir o alme recém-criado caso este possua algum traço indesejado. Das pessoas que possuem conhecimento sobre os almes, muitos estarão de prontidão para sabotar receptáculos vazios devido ao perigo que representam.

A maior parte dos almes não necessita de comida, bebida, sono ou coisas que outras raças precisam, mas alguns almes precisam de algumas coisas, como manter o material do qual são feitos em perfeita ordem.

Cada alme possui um “coração” ao qual sua alma está conectada. Uma alma conectada não pode abandonar por vontade própria, e um alme só morrerá quando seu coração for destruído. Caso seu coração seja destruído, sua alma se comportará como uma alma mortal qualquer quando seu corpo morre.

O texto original em inglês é de autoria de Brian Kramer, da Subsoap.
Interessados na mitologia podem se inscrever no boletim: Subsoap Newsletter.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s